Aliás, estamos cansadas dessa história de homens querendo nos ensinar o que é feminismo. Por que os mesmo que reclamam dos brancos que tentam ensinar o que é racismo, querem nos dizer o que é machismo? Como se não bastasse ocupar grande parte das lideranças de outros movimentos, homens ainda querem estar na linha de frente do feminismo? Não, obrigada. Não precisamos disso, precisamos de pessoas que tenham compreensão com a nossa luta e saibam reconhecer seus privilégios, respeitar as nossas causas e a nossa liberdade.