Texto publicado originalmente em Sopa Alternativa

Chewing Gum é uma premiada série de comédia britânica, protagonizada e escrita pela talentosa Michaela Coel. A série é uma adaptação de uma peça teatral, escrita e interpretada por Michaela, chamada “Chewing Gum Dreams”, inspirada na vida de Michaela, que também teve uma criação cristã.

Na série conhecemos Tracey Gordon (Michaela Coel), uma jovem de 24 anos religiosa e criada pela mãe e que, apesar de estar noiva e namorar um rapaz chamado Ronald (John McMillan) há seis anos, não tem a menor ideia do que é sexo, mas acha que está pronta para dar esse passo importante na sua vida e perder a virgindade.

Com a ajuda de sua amiga Candice (Danielle Walters), muito mais experiente do que ela, Tracey acredita que conseguirá seduzir o seu noivo, o problema é que o rapaz não parece muito interessado e no meio da caminho ela acaba conhecendo um outro cara chamado Connor (Robert Lonsdale), seu vizinho solitário.

A partir daí somos levados junto com Tracey nas suas descobertas sobre sexo e namoro em meio a muitas risadas, ingenuidade, trapalhadas e mal entendidos em situações muitas vezes desconfortáveis. Além de amar Jesus, Tracey também faz suas preces para a cantora Beyoncé e vive se perguntando o que ela faria no lugar dela. Também conhecemos os vizinhos peculiares de Tracey e se você não morrer de dar risada ao longo dos vinte minutos de cada episódio, tem algo errado com você.

A primeira temporada da série está disponível na Netflix e a segunda temporada já está passando no E4, o seu canal de origem. Então não tem desculpa para não assistir Chewing Gum.

A série recebeu vários prêmios em 2016 e Michaela recebeu dois prêmios BAFTA, para Melhor Performance Feminina em Comédia e para Talento Revelação. Essa é mais um série autêntica escrita e protagonizada por uma mulher negra, na qual a protagonista foge dos clichês do gênero e toma as rédeas da sua vida, assim como Insecure, e que mostra todo o talento da jovem Michaela Coel. Filha de pais ganeses, aos 29 anos ela é poetisa, além de atriz e escritora e se formou na Guildhall School of Music and Drama. Ao receber o seu prêmio no BAFTA, ela fez um belo discurso sobre aceitação.

E, entre outras coisas, Chewing Gum é uma das melhores séries para você assistir quando estiver de papo para o ar pensando na vida ou se precisar dar umas boas risadas e esquecer um pouco da loucura que o mundo está passando agora.