Florianópolis recebe mais de 8 mil pessoas para evento mundial que discute gênero e feminismos 

Entre os dias 30 de julho e 4 de agosto de 2017, Florianópolis sedia a 13ª edição do Congresso Mundos de Mulheres (Women’s Worlds Congress), evento conjunto com o Seminário Internacional Fazendo Gênero 11, organizado pelo Instituto de Estudos de Gênero da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). O Congresso, que já aconteceu em Israel, Holanda, Irlanda, Estados Unidos, Costa Rica, Austrália, Noruega, Uganda, Coreia, Espanha, Canadá e Índia, será pela primeira vez realizado na América do Sul.

O evento, que tem como temática “Transformações, Conexões, Deslocamentos”, já conta com 8.000 pessoas inscritas e traz a proposta de ser um espaço de diálogo entre academia e ativismo entre pessoas de todas as partes do mundo sobre questões de gênero, feminismo e suas relações com “raça”/etnia, classe, nacionalidade, religião, entre outros demarcadores de diferença.

A programação é composta por atividades tradicionais de eventos acadêmicos, como conferências (4), mesas-redondas (33), simpósios temáticos (160), exposição de pôsteres, oficinas (95), minicursos (17), e também por atividades organizadas em conjunto com ativistas de coletivos e movimentos sociais, como os fóruns de debate (130 intervenções), as tendas – Tenda Mundo de Mulheres, Tenda Feminista e Solidária e Tenda da Saúde -, a Marcha Mundos de Mulheres por Direitos (2/8 às 17h), e a participação de debatedoras dos movimentos feministas e de mulheres em todas as mesas-redondas.

Além disso, o evento terá mais de 40 apresentações artísticas previstas para espaços diversos do campus da UFSC, sendo uma delas o show de Linn da Quebrada no dia 02 de agosto, no Auditório Garapuvu, no Centro de Eventos da UFSC, às 21h, após a Marcha Mundos de Mulheres por Direitos. Também contaremos com as presenças do Cores de Aidê, La Clínica, Elas por Elas com o pocket show Odara, entre outras apresentações cênicas, de dança e  performance.

Durante o evento também acontecerá a II Exposição Arte e Gênero, a Mostra Audiovisual, a Mostra Fotográfica, os roteiros de passeios temáticos em comunidades e projetos da região de Florianópolis e as atividades do Crianças no Fazendo Gênero, que tem como objetivo trabalhar exclusivamente com as crianças que virão, junto às mães e pais, para o evento, contando com oficinas e programação cultural.