No último dia 19, o líder quilombola Flávio Gabriel Pacifico dos Santos, conhecido como “Binho do Quilombo”, foi assassinado no distrito de Pitanga de Palmares, em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador (RMS). Flávio é mais uma das vítimas a entrar para o mapeamento “Atlas da Violência”. Segundo o levantamento divulgado pelo Ipea, homens jovens e negros de baixa escolaridade são as principais vítimas de mortes violentas no Brasil. Dados da Secretaria Especial de Direitos Humanos mostram que o país registrou 697 denúncias de intolerância religiosa entre 2011 e 2015, que têm como principal alvo as religiões afro-brasileiras.

Para discutir a violência contra a população negra e a intolerância religiosa, a OAB da Bahia promove o painel “Pluralismo, igualdade e tolerância: garantias constitucionais e cidadania plena”, que acontece durante a VI Conferência Estadual da Advocacia, entre 16 e 18 de outubro, em Salvador. O painel será voltado a advogados, estudantes e profissionais da área jurídica e terá, entre os palestrantes, as presenças das presidentes das Comissões Especiais de Promoção da Igualdade Racial da OAB-BA, Dandara Pinho, e de Combate à Intolerância Religiosa, Maíra Vida. Para participar, basta realizar a inscrição pela internet, na plataforma de eventos Sympla (www.oab-ba.org.br/conferenciaestadual). O evento é gratuito.

O QUE: VI Conferência Estadual da Advocacia

QUANDO: 16 a 18 de outubro de 2017

ONDE: Av. Sete de Setembro, 1537, Salvador- Bahia – Hotel Sheraton da Bahia