Estamos vivendo a era das conexões por meios digitais. Onde a internet tornou-se palco para exposição de sentimentos e argumentos, que antes se mantinham guardados e que passaram a serem escritos, gravados, publicados e compartilhados por milhares de pessoas.

Neste cenário, o Museu da Abolição/MAB no próximo dia 21 de março, às 19h, convida para o lançamento e a coletiva de imprensa do Projeto Selos 2019, que traz como tema os Contextos Afro Digitais, ou seja, a forma como o afro-brasileiro está inserido e, sobretudo, se expressa, no universo da internet e dos meios digitais. A abertura da exposição contará com a apresentação do Afoxé OMIM Sabá, do bairro do Cordeiro. Um movimento que luta pela manutenção e fortalecimento da ancestralidade afro.

Para a 4º edição do Projeto Selos e de forma inédita, o MAB convidou dois jovens para serem embaixadores do Selo 2019, que serão apresentados no dia da abertura. Pessoas que serão porta voz do projeto fora das paredes do MAB, entendendo que o Museu é feito por pessoas e que a nova museologia busca o engajamento social, considerando que todos são responsáveis pelo patrimônio existente.

O Projeto Selos tem por objetivo disseminar a missão do Museu da Abolição, que é: preservar, pesquisar, divulgar, valorizar e difundir a memória, os valores históricos, artísticos e culturais, o patrimônio material e imaterial dos afrodescendentes, por meio de estímulo à reflexão e ao pensamento crítico, sobretudo quanto ao tema abolição, contribuindo para o fortalecimento da identidade e cidadania do povo brasileiro; para ser discutida na sociedade a partir de temas contemporâneos. O tema, que tem duração de um ano, norteia as atividades a serem realizadas no Museu.

O QUE: Lançamento e Coletiva de Imprensa da exposição Contextos Afro Digitais

QUANDO: 21 de março de 2019, às 19h

ONDE: Museu da Abolição –  R. Benfica, 1150, Madalena, Recife/PE

Entrada: Gratuita