Projeto afrofuturas lança curso online sobre de introdução ao Afrofuturismo

Pétala e Isa Souza exploram diferentes vertentes do movimento afrofuturista e seu papel decolonial em curso introdutório voltado ao público geral.

Apresentar as múltiplas vertentes do afrofuturismo para o público geral por meio da
produção literária afrofuturista, explorando possibilidades de leituras no contexto brasileiro
da crítica cultural, decolonial e outras epistemologias que obras e pensamentos
afrofuturistas podem suscitar. Essa é a proposta de Introdução ao Afrofuturismo, curso
online ministrado por Pétala e Isa Souza a partir do dia 30 de março, fruto de 5 anos de
estudo e pesquisa.

Criadoras do projeto Afrofuturas, que alcança mais de 29 mil pessoas interessadas em ficção
científica e decolonidade, Pétala e Isa Souza são irmãs e auto-intituladas discípulas de
Octavia Butler, a dama da ficção científica. Fazem parte do movimento afrofuturista não
apenas como pesquisadoras e produtoras de conteúdo, mas também como escritoras,
publicando seu primeiro trabalho na coletânea "Vozes Negras", projeto da Se Liga!

Editorial realizado por meio de financiamento coletivo em 2019.

Focando na produção literária, as professoras Pétala e Isa Souza irão apresentar em
Introdução ao Afrofuturismo um panorama amplo sobre o conceito de afrofuturismo, sua
aplicação na literatura em diferentes regiões do mundo, principais temas desenvolvidos no
movimento, seu papel no processo decolonial e o impacto e conexões com outros
movimentos literários contemporâneos – como o sertãopunk, o futurismo indígena e o
futurismo asiático –, e as diferentes definições e perspectivas sobre o movimento que vai
desde a literatura e cinema até a moda.

“O afrofuturismo não é apenas um conceito fechado.
É um movimento que está em constante evolução.
É uma ferramenta de decolonidade radical.”

O curso Introdução ao Afrofuturismo vai focar na pesquisa das criadoras sobre o
movimento na literatura e tem como objetivo quebrar a percepção de que o afrofuturismo é
um conceito único, apresentando os mais de sete conceitos já estabelecidos entre autores e
pesquisadores nacionais e internacionais, e mostrando como ele é uma ferramenta para a
quebra da colonialidade. O objetivo do curso é fazer uma introdução completa que prepare
leitores, autores e interessades no movimento; assim, quem nunca teve contato com alguma
produção afrofuturista poderá usufruir do conteúdo da mesma forma que alguém que já
esteja familiarizade.

Serão realizadas 4 aulas semanais, com 2 horas de duração cada, entre os dias 10 de abril e 1
de maio (turma 1) e 20 de abril e 11 de maio (turma 2). Além do conteúdo ao vivo, cada
estudante terá acesso a um material complementar com exercícios para se aprofundar no
tema; links para materiais audiovisuais que mostram o afrofuturismo sendo aplicado em
outras mídias; bibliografia completa do curso; e certificado de conclusão. As inscrições estão
abertas através da plataforma Sympla e podem ser realizadas no link

bit.ly/IntroAoAfrofuturismo.

SERVIÇO
Curso Introdução ao Afrofuturismo
Período: 10/04 a 01/05 (Turma 1); 20/04 a 11/05 (Turma 2)
Formato: EAD pela plataforma Zoom, 8h totais
Valor: R$200

SOBRE AS AFROFUTURAS

O Afrofuturas é um projeto de incentivo à literatura e à expressão cultural pluriversal,
idealizado por Pétala e Isa Souza, duas mulheres afrofuturistas. Elas criaram o Afrofuturas
como um espaço de busca de recuperação de saberes, conhecimentos e referências
ancestrais para alimentar um diálogo socialmente relevante através da literatura e outras
formas culturais de expressões narrativas e de vivências.
Articuladoras do projeto #LeiaRepresentatividade, Pétala e Isa Souza integram o coletivo
literário @cladaspretas no Instagram e são co-criadoras e curadoras do projeto Leituras
Coloniais. Amantes da ficção especulativa, mediam o Mais Sci-fi, um clube de ficção científica
para mulheres e, como escritoras, publicaram um conto afrofuturista no livro “Vozes Negras”.

SOBRE A OXE CONTEÚDOS

Fundada em 2020 por Bruna Miranda, criadora de conteúdo desde 2012, a OXE Conteúdos é
uma produtora de projetos digitais criados e protagonizados por pessoas não-brancas, um
lugar seguro para criadores pensarem e co-criarem. Sinônimo de boas ideias, muito trabalho,
originalidade, raízes e intuição, a OXE realiza serviços desde assessoria e consultoria, até
educação e produção audiovisual, permitindo que criadores tenham a liberdade de fazer o
que fazem de melhor: criar.

Dentre os projetos executados pela OXE estão o Formali$e, um curso focado na monetização
e profissionalização de criadores de conteúdo; Introdução ao Afrofuturismo, um curso
voltado ao público geral apresentando um panorama amplo sobre o conceito de
afrofuturismo; e a OXE Influência, um braço de negócios focado em assessorar
influenciadores em parcerias comerciais e projetos de conteúdo.